habitação em avanca

Local

O lote, de forma não regular, longitudinalmente e perpendicular à Rua Dr Egas Moniz. A sua orientação no sentido longitudinal é (da rua para o interior) Norte – Sul. Estando inserido numa operação de loteamento, o projecto, tem uma série de limitações no que concerne a distâncias e volumetria.

Condicionantes formal e funcional

Em termos de alinhamentos da construção, esta tem que cumprir com o regulamento da operação de loteamento. Em termos formais e de volumetria, a operação exige que a base de nove metros por nove metros tenha dois pisos e o paralelepípedo tenha um piso.

Em termos de volumetria, esta será resolvida em dois pisos (rés do chão e piso 1) sendo estes dissimulados na fachada com um desenho de alhetas nos alçados, alhetas estas que irão criar um da guarda do terraço e ao mesmo tempo esta guarda criar uma zona de protecção visual ao terraço.

A distribuição espacial interior resume-se à separação de forma radical, da função por piso. A zona de serviços/social, fica à cota da entrada. No piso 1, a zona mais privada.

Arquitectura

nu.ma | unipessoal, lda

Localização

Avanca-Estarreja

Data

2012-2017

Dono de obra

privado

Equipa de projecto

Engenharia - Nuno França NGneers | Construção - Construtora de Loureiro | Fotografia - ITS Ivo Tavares Studio